10 hábitos dos líderes excepcionais

Tornar-se um líder mais agradável é algo que está completamente sob seu controle, e é uma questão de Inteligência Emocional

Se você quer ser um líder seguido com absoluta convicção, você deve ser um líder de quem as pessoas gostam. Tiranos e cavalgaduras com visão brilhante podem liderar seguidores relutantes por um tempo, mas nunca dura. Eles destroem as pessoas antes de ver do que elas são capazes.

Quando dou palestras para pequenas audiências, sempre peço aos presentes para descreverem os melhores e piores líderes para quem já trabalharam. As pessoas inevitavelmente ignoram características inatas (como inteligência, extroversão, beleza) e focam em qualidades que estão sob o domínio dos líderes, como acessibilidade, humildade e positividade.

Essas palavras e outras assemelhadas descrevem líderes com habilidades em inteligência emocional. A TalentSmart pesquisou dados de mais de um milhão de pessoas e mostrou que líderes que têm essas qualidades não são apenas mais agradáveis, eles têm desempenhos muito superiores.

Tornar-se um líder mais agradável é algo que está completamente sob seu controle, e é uma questão de Inteligência Emocional (QE). Ao contrário de características inatas, fixas, como inteligência (QI), EQ é uma habilidade flexível que pode ser melhorada com esforço.

Confira abaixo 10 comportamentos-chaves que líderes com inteligência emocional desenvolvem para se tornarem excepcionais.

1. Eles formam conexões com as pessoas

Mesmo em uma sala lotada, líderes agradáveis fazem as pessoas se sentirem como se estivessem em uma conversa pessoal com ele. Eles se comunicam em um nível extremamente emocional. Eles nunca esquecem que há uma pessoa de carne e osso à sua frente.

2. Eles são acessíveis

Sabe aquelas pessoas que só têm tempo para você quando querem algo em troca? Líderes excepcionais acreditam que todos, a despeito de seu cargo ou habilidades, valem o tempo e atenção dedicados a eles. Tais líderes fazem com que essas pessoas se sintam valorizadas porque eles acreditam que todos têm seu valor.

3. Eles são humildes

Poucas coisas são tão prejudiciais a um líder como a arrogância. Líderes excepcionais não agem como se fossem melhores do que seus subordinados porque eles não acreditam que são melhores. Ao invés de ver sua própria posição como fonte de prestígio, eles enxergam a liderança como uma responsabilidade a mais por servir aqueles que o seguem.

4. Eles são positivos

Líderes agradáveis sempre mantêm uma perspectiva positiva na maneira como eles descrevem as coisas. Eles não se sentem obrigados a fazer uma apresentação para a diretoria; eles querem compartilhar suas visões e ideias com os diretores. Eles não se sentem no dever de vistoriar fábricas; eles querem visitar e conhecer as pessoas que fazem os produtos da empresa. Eles não se obrigam a entrar em uma dieta; eles desejam experimentar os benefícios de uma alimentação saudável. Mesmo em situações evidentemente negativas, esse tipo de líder emana uma esperança entusiasmada pelo futuro, uma confiança que eles podem ajudar a fazer do amanhã um dia melhor.

5. Eles são equilibrados

Quando se trata de suas próprias conquistas e falhas, líderes excepcionais levam as coisas a sério. Eles não são obcecados pelo próprio umbigo. Eles experimentam o sucesso sem deixar que suba à cabeça, e eles admitem prontamente as falhas sem perder tempo lamentando. Eles aprendem nas duas situações e seguem em frente.

6. Eles são generosos

Nós todos trabalhamos para alguém que constantemente esconde algo, seja conhecimento ou recursos. Eles agem como se tivessem receio de que os demais fossem colocá-los no ostracismo se tivessem o mesmo acesso a materiais e informações. Os melhores líderes, por sua vez, são infalivelmente generosos em relação àqueles que conhece, o que eles sabem e os recursos a que tem acesso. Eles querem, acima de tudo, que os outros se saiam bem, porque entendem que esse é seu trabalho como líder e porque são autoconfiantes o suficiente para nunca se preocuparem com o sucesso alheio. Na verdade, eles acreditam que o sucesso dos outros é seu próprio sucesso.

7. Eles demonstram integridade

Líderes excepcionais inspiram confiança e admiração através de suas ações, não apenas palavras. Muitos líderes dizem que integridade é importante para eles, mas nem todos praticam o que dizem, demonstrando integridade todos os dias. Mesmo um líder que emane charme não será agradável de essa aparência não tem uma sólida fundação de integridade por trás.

8. Eles leem pessoas

Os melhores líderes sabem ler pessoas através da comunicação não-verbal, que muitas vezes é mais importante do que aquilo que é dito. Eles percebem expressões faciais, linguagem corporam e o tom da voz para entender o que realmente está acontecendo com aquelas pessoas. Em outras palavras, eles têm uma alta consciência social, uma habilidade crítica de QE.

9. Eles apreciam talentos em potencial

Segundo Robert Brault, “carisma não se trata de fazer as pessoas gostarem de você, mas de fazer as pessoas gostarem delas próprias quando você está por perto”. Líderes agradáveis não apenas veem o melhor no seu pessoal, mas também garante que todos vejam. Eles descrevem os talentos das pessoas para que todos melhorem a si próprios e seus resultados.

10. Eles têm substância

Para Daniel Quinn, “carisma apenas atrai a atenção das pessoas. Uma vez que você tem essa atenção, precisa dizer algo a elas”. Líderes excepcionais entendem que seu conhecimento e experiência são fatores críticos para o sucesso de todos aqueles que o seguem. Portanto, eles regularmente se conectam com pessoas que compartilham sua substância – em oposição a conversas fúteis e superficiais. Os melhores líderes não fingem ser quem não são, porque eles não precisam disso. Eles têm substância e compartilham isso com as pessoas.

Juntando tudo

Ser agradável não é uma qualidade de nascença. É o resultado de habilidade adquiridas que são cruciais para o sucesso profissional. E assim como acontece com outras habilidades profissionais, você pode estudar as pessoas que as têm, copiar o que funciona e adaptá-las ao seu próprio estilo. Tente essas 10 estratégias e torne-se excepcional como líder.

Quais qualidades descrevem o melhor e pior chefe para quem você já trabalhou? Compartilhe suas ideias nos comentários, eu aprendo com você tanto quanto você aprende comigo.

Fonte: O texto foi publicado originalmente no blog do autor e cedido gentilmente ao Administradores.com